Tradução em andamento do livro “A Dispensational or a Covenantal Interpretation of Scripture - Which is the Truth?” por Bruce Anstey
Este livro encontra-se em processo de tradução, portanto para uma leitura mais ordenada sugiro que comece pela postagem mais antiga no Arquivo da coluna da direita.

JOAO 10-12

Mais uma vez o Senhor é visto sendo rejeitado pelos judeus que tentavam apedrejá-lo até a morte (Jo 10:19-38). “Ele escapou-se de suas mãos, e retirou-se outra vez para além do Jordão” (Jo 10:39-42). Longe deles, muitas pessoas creram nele e foram abençoadas. Esta é apenas mais uma figura do Senhor interrompendo suas tratativas com Israel por causa da incredulidade e rejeição deles. É significativo que Ele tenha permanecido naquele lugar por “dois dias” (Jo 11:6). Como já foi observado, isto nos fala do atual tratamento do Senhor para com a Igreja nos últimos dois mil anos (Sl 90:4; 2 Pe 3:8).

No capítulo 11 Lázaro é visto na condição de morte. Trata-se de uma figura da condição de Israel como nação aos olhos de Deus (Ez 37:1-2). Maria e Marta em sua aflição representam o fiel remanescente judeu no dia vindouro que irá clamar pela vinda do Senhor (Sl 6:3-4 etc.). Após “dois dias” o Senhor foi ao lugar onde Lázaro estava e o ressuscitou. Esta é uma figura do Senhor voltando a tratar com Israel no futuro — sua ressurreição nacional (Ez 37:3-14; Dn 12:2-3). Quando o Senhor chegou até Lázaro, nos é dito que este estava morto há “quatro dias” (Jo 11:17, 39). Isto sugere que toda a história de Israel aos olhos de Deus — desde o tempo de Abraão até o presente — tem sido essencialmente uma história de desconexão com o Senhor. Abraão viveu cerca de dois mil anos antes de Cristo. Daquela época até a segunda vinda de Cristo (Sua manifestação) para ressuscitar Israel seriam aproximadamente quatro mil anos, ou “quatro dias”.

No capítulo 12, após Lázaro ter sido ressuscitado, o Senhor subiu a Jerusalém e os gentios (“gregos”) aproximaram-se dele (Jo 12:12-22). Naquela ocasião as multidões clamavam: “Hosana! Bendito o Rei de Israel que vem em nome do Senhor”, e eis que o teu Rei vem assentado sobre o filho de uma jumenta”. Trata-se de uma figura do Milênio, quando Israel e as nações gentias irão de bom grado reconhecer a Cristo como o Rei (Zc 2:11; Sl 47:9).

A ordem dispensacional nestes capítulos é clara:


  • Capítulo 10 — A formação do “um só rebanho” no cristianismo.
  • Capítulo 11 — Israel é restaurado, conforme a figura da ressurreição de Lázaro.
  • Capítulo 12 — O Senhor cavalga até Jerusalém como o Messias, enquanto os gentios buscam conhecê-Lo.



Postagens populares