Tradução em andamento do livro “A Dispensational or a Covenantal Interpretation of Scripture - Which is the Truth?” por Bruce Anstey
Este livro encontra-se em processo de tradução, portanto para uma leitura mais ordenada sugiro que comece pela postagem mais antiga no Arquivo da coluna da direita.

JOÃO 13

JOÃO 13

Havia chegado a hora de o Senhor voltar para o Pai. Antes de partir Ele indicou (simbolicamente) que iria deixar Seu ministério dirigido a Israel, o qual era messiânico e terrestre, para Se ocupar de um novo ministério celestial (Sua advocacia), por meio do qual manteria os Seus em comunhão com Deus durante a Sua ausência (1 Jo 2:1-2). Esse novo ministério que o Senhor estava prestes a assumir representa outra transição da antiga para a nova dispensação.
Primeiro o Senhor “levantou-se da ceia” onde estavam comendo juntos, e tirou Suas vestes colocando-as de lado (Jo 13:4a). Levantar-se na ceia daquela maneira foi uma ação simbólica indicando que Ele estava prestes a romper Suas associações exteriores com eles no reino como o Messias de Israel.
Em seguida Ele “tomando uma toalha, cingiu-se” (Jo 13:4b). Isso indicava que no novo lugar, aonde o Senhor se dirigiria nas alturas, Ele assumiria a posição de um Servo e trabalharia para manter o Seu povo em comunhão Consigo.
Finalmente Ele “deitou água numa bacia, e começou a lavar os pés aos discípulos” (Jo 13:5). Isso nos fala do uso da “água da Palavra” em sua aplicação no andar do crente. A remoção da sujeira de nossos pés mostra o trabalho do Senhor como nosso Advogado diante do Pai, ao nos exercitar no juízo próprio tendo em vista a santidade de Deus (1 Jo 1:9) e por meio do que somos capacitados a caminhar em comunhão com Ele (Jo 14:21, 23).
Os resultados do ministério de lavar os pés, praticado pelo Senhor, tinham quatro aspectos:
  •         Desfrutaríamos do Seu amor em comunhão com Ele — “... tens parte comigo” (Jo 13:8-11).
  •         Desejaríamos levar outros a também desfrutarem de Seu amor — “... vós deveis também lavar os pés uns aos outros” (Jo 13:12-17).
  •         Discerniríamos os Seus pensamentos (discernimento espiritual) — “Desde agora vo-lo digo, antes que aconteça” (Jo 13:18-30).
  •         Daríamos ao mundo um testemunho poderoso — “Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos” (Jo 13:31-35).



Postagens populares